Nem só de churrasco e empanadas é feita a Argentina

IMG_0127

Faz um mês eu fui para a Argentina com o Matias visitar a família dele, o nosso maior foco lá, além de matar as saudades da família e dos amigos claro, era comer tudo aquilo que não temos por aqui. Para mim muitas novidades, para o Matias muitas lembranças.

Aproveitando o frio que fazia, pedimos a mãe dele que nos preparasse um estofado. Eu adoro escutar o Mati falar das comidas de lá, das coisas que a mãe e a avó faziam para ele e até muitas vezes tento fazer em casa mas sempre reproduzindo o que ele me conta e não minhas próprias lembranças. O estofado era um desses tão saudosos pratos que ele sempre falava e finalmente tive a oportunidade de prová-lo in loco, como deveria ser.

O estofado é um prato de inverno, existe uma grande variedade de maneiras de prepará-lo, pode ser de carne, de frango, de cordeiro, de porco, com os legumes que você escolher e molho de tomate. O que têm em comum entre todos eles é o modo de preparo: cozido lentamente, até que a carne se desmanche no meio da explosão de sabores dos legumes e o conforto do bom e velho molho de tomate.

Quando cheguei de volta em casa, apesar do clima não colaborar muito, fui para a cozinha para fazer a minha própria versão do Estofado de Ossobuco. E ficou tão gostoso que hoje venho compartilhá-la com vocês.
IMG_0094

Estofado de Ossobuco:
Tempo de preparo: 20min
Tempo de cozimento: 3 horas
Porções: 6 pessoas

Ingredientes
•1 kg de ossobuco bovino
•2 cebolas grandes cortada em cubinhos
•3 dentes de alho cortado em cubinhos
•1 cenoura grande ou 2 pequenas em rodelas
•4 ou 5 batatas grandes
•1 ramo de alecrim
•3 folhas de louro
•sal e pimenta do reino a gosto
•um fio de óleo de canola
•1 copo de vinho tinto
•1 garrafinha de passata de tomate

Modo de Preparo
1. Tempere o ossobuso com sal e pimenta do reino a gosto.
2.Coloque uma panela de barro grande com um pouquinho de óleo na chama do fogão para ir esquentando. Enquanto isso, em uma frigideira anti-aderente com um fio de óleo refogue o ossobuco até este ficar bem douradinho. Reserve.
3.Refogue as batatas até ficarem douradas e com uma casca crocante. Reserve.
4.Por fim, refogue a cebola com o alho e a cenoura até pegarem cor.
5.Transfira tudo para a panela de barro que já deve estar quente, coloque o alecrim e as folhas de louro, a seguir o vinho tinto e o tomate. Se necessário, complete com um pouco de água quente para que cubra bem tudo. Ajuste o sal e a pimenta do reino.
6.Cozinhe por cerca de 3 horas ou até que a carne esteja se desmanchando e o molho tenha espessado. Sirva com rigatoni e bom apetite.

obs: se você não tiver uma panela de barro use uma panela grande de fundo grosso. Neste caso você pode refogar tudo na própria panela.

IMG_0095

IMG_0120 IMG_0121

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s